SALA VAZIA

Programa Sala Vazia

EDIÇÃO #1

Panorama de arte sonora feminina na América Latina

ESTRÉIA NACIONAL: 30/03 14h || RÁDIO MEC FM (RJ) || RÁDIO UFMG (MG) || FM NACIONAL (AM)

 

Nesta edição, realizamos um panorama da arte sonora feminina na América Latina com compositoras, performers, pesquisadoras que se destacam em suas áreas de atuações. Abrindo o programa,  o primeiro bloco contempla uma geração de artistas cearenses, a compositora cearense Marta Aurélia com Cidades Invisíveis, do seu recente álbum Acesa; Emília Schramm com Amazonas Guerreando e Clau Aniz com a faixa Montanhesa do álbum Filha de Mil Mulheres.

No Segundo Bloco, a estética do ruído se faz presente em obras como a da argentina Inti Pujol com um set ao vivo no Festival Santo Noise 2018 em Córdoba na Argentina, as cariocas Luiza Helena Guimarães e Bella  apresentam suas investigações com melodias e sínteses sonoras e fechando bloco a baiana Andrea May e a cearense Vivi Rocha.

 

Este é o Programa Sala Vazia na sua Rede Rádio Arte, para saber mais acesse: http://www.salavazia.com.br ou rederadioarte.com/salavazia

Músicas – Sala Vazia  – Programa 01

Marta Aurélia – Cidades Invisíveis || https://suburbanaco.bandcamp.com/album/acesa

Emischramm – Amazonas Guerreando || https://soundcloud.com/emischramm

Clau Aniz –  Montanhesa || https://mercuriomusica.bandcamp.com/album/filha-de-mil-mulheres-2018

Inti Pujol – Ao Vivo em Santo Noise 2018 || https://archive.org/details/Intipujol

Luiza Helena Guimarães – Tema 01 LArteN || https://soundcloud.com/lartenartesonora

Bella – High Fi || https://bellacomsom.bandcamp.com/

Andrea May – India Rumori || http://www.andreamay.com.br/

Vivi Rocha – Nina ||

Apresentação: Kennya Mendes

Curadoria: Ingra Rabelo e Clara Bastos

Mixagem: Clara Bastos e Kennya Mendes


Sobre:

Sala Vazia é uma plataforma criativa em formato de residência artística que propõe desenvolver ações, apresentações e experimentações em diversos formatos no campo da arte sonora, artes cênicas, performance, audiovisual, arte digital entre outros desdobramentos multi-linguagens na cidade de Fortaleza – Ceará – Brasil. Artistas de diversas partes do Brasil, América Latina e mundo se utilizam de projetos desenvolvidos e criados nos espaços autônomos e independentes, como: Trincheira e Salão das Ilusões (criadores do Sala Vazia) e suas interlocuções com outros espaços na metrópole, como: galerias de arte, teatros, centros culturais, associações e órgãos institucionais.

Sala Vazia é composta por Clara Bastos, Eric Barbosa, Ingra Rabelo e Kennya Mendes.

www.salavazia.com.br